Livro para as cacheadas, crespas e encaracoladas: Meu crespo é de Rainha

12:15

 



Um livro que fala sobre amor próprio e empoderamento negro: esse é o “Meu crespo é de rainha”, da ativista bell hooks, que conhecemos recentemente através da Editora Boitatá.

 

Os versos iniciais do livro já mostram toda a poesia terna que vai envolver os pequenos leitores: “Menininha do cabelo lindo e de cheiro doce, macio como algodão, pétala de flor ondulada e fofa, cheio de chamego e aconchego”. As crianças ilustradas por Chris Raschka parecem flutuar em meio às brincadeiras de roda, balançando seus cabelos numa dança linda e fraterna, de celebração às suas origens e à força e histórias que seus cabelos, penteados e tranças parecem ser capazes de contar… “Cabelo pra pentear, cabelo pra enfeitar, pra enrolar e trançar ou deixar como está” =)

 

A valorização do cabelo enrolado, cacheado ou pixaim (com muito orgulho, como fala a autora), o crespo é retratado como algo a ser celebrado em todas as suas formas, estilos, penteados. É muito comum que as crianças, especialmente as meninas, observem “padrões de beleza” veiculados nos mais variados tipos de mídia e não se encontrem retratadas neles. Mas isso vem mudando de uns tempos pra cá (ainda bem, né?) e, como cabelo também é identidade, nada melhor que mostrar a elas que seus cabelos são lindos, SIM, do jeitinho que eles são!

 

Seu cabelo tem histórias, fala com a sua ancestralidade, e quando a autora enaltece que o crespo da criança é de rainha, remete aos antepassados da menina do livro, que brinca com seus amigos (que também têm diversos penteados e festejam seus cabelos da mesma forma). Ainn gente, esse livro é de uma fofura tremenda pelos seus versos, e também carrega uma força enorme na mensagem aos leitores sobre o orgulho pelos cabelos crespos, me fez lembrar de um vídeo lindoo e emocionante (que depois também se tornou livro), o curta “Hair love”, que inclusive ganhou o Oscar esse ano (se ainda não assistiu, clica aqui para ver no Youtube, sensacional!). Vamos empoderar a criançada aí desde cedo que o crespo, além de ser de rainha (e rei!), é lindo demais!!!

 

bell hooks (assim, com minúsculas mesmo) assina muitas outras obras voltadas às questões de raça, feminismo, educação e movimento negro, ainda quero conhecer mais seu trabalho - vocês já conhecem outras obras dela? comentem aí =)

 

Na galeria abaixo você confere um pouquinho do livro, espera aparecer a seta para a direita para deslizar e ver as páginas:

Meu Crespo É De Rainha

 

 

Você pode saber mais sobre o livro e adquiri-lo diretamente no site da Editora Boitatá nesse link (clica aqui)


Um abraço e até o próximo post ;)

Jaqueline

 

Ficha Técnica:

“Meu crespo é de rainha”*

Autora: bell hooks

Ilustrador: Chris Raschka

Tradutora: Nina Rizzi

Editora: Boitatá (selo infantil da Boitempo Editorial)

32 páginas, indicado a partir de 4 anos**

Fonte das imagens: ilustrações do livro fotografadas pela autora do blog


* O livro foi adquirido pela autora do blog através de cortesia da editora. Em todo caso, a autora reserva-se ao direito de resenhar apenas as obras que tenha realmente gostado, de forma independente e isenta, e a apresentar sua opinião pessoal sobre as mesmas a partir das experiências de leitura obtidas =).

** A indicação de faixa etária é apenas uma sugestão do blog, o que vai variar conforme a exposição da criança às mais variadas leituras, a forma como a mediação da leitura é conduzida, entre outros tópicos que podem auxiliar na melhor interpretação/compreensão dos livros.

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

0 comentários

Siga nosso Instagram